Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/03/24 às 17h08 - Atualizado em 1/03/24 às 17h08

Produtores de açaí de Sobradinho recebem visita técnica da Emater-DF e Embrapa

COMPARTILHAR

Ação faz parte do Projeto da Rota da Fruticultura para acompanhar de perto o desenvolvimento da produção

 

 

 

Extensionistas da Emater-DF e pesquisadores da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) visitaram, na quinta-feira (29), 10 propriedades que estão produzindo açaí na zona rural de Sobradinho. A ação faz parte do projeto Rota da Fruticultura, que prevê o fortalecimento da cadeia de frutas no DF e Entorno. O objetivo foi acompanhar de perto o desenvolvimento da atividade e levar informações e orientações técnicas para o aperfeiçoamento da produção.

 

De acordo com o coordenador do Programa de Fruticultura da Emater-DF, Felipe Camargo, as visitas foram proveitosas tanto para os agricultores quanto para os técnicos envolvidos. “A cultura do açaí é uma novidade na nossa região, então, estamos construindo junto com os produtores as melhores formas de extrair o máximo proveito técnico, ambiental e econômico da atividade”, explicou o engenheiro-agrônomo.

 

Já a gerente do escritório da Emater-DF em Sobradinho, Clarissa Campos, ressaltou que a ação envolveu duas atividades: o “Emater em Ação”, uma espécie de mutirão de visitas realizado mensalmente pela unidade, e o acompanhamento técnico da Rota da Fruticultura. “Dividimos os extensionistas em quatro equipes e visitamos as propriedades que receberam as mudas por meio do programa. Avaliamos aspectos como irrigação, manejo do palmito, vantagens do consórcio, e outros”, detalhou a extensionista rural.

 

As mudas recebidas pelos agricultores são de uma cultivar desenvolvida pela Embrapa, denominada “pai d’égua”. É uma variedade que se adapta ao clima e solo do Cerrado, com o objetivo de ter alcançar maior produtividade, de forma que possa concorrer com o açaí do norte do país. “Com tecnologia e uma planta adequada, podemos atingir esse objetivo”, acrescentou  Felipe Camargo.

 

As visitas foram acompanhadas também pelo extensionista e articulador da Emater-DF junto à Embrapa, Hélcio Henrique Santos, coordenador Regional Leste da empresa, Fabiano Carvalho, e pelo pesquisador da Embrapa Cerrados, Marcelo Mencarini.

 

A Rota da Fruticultura é uma ação do Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional, por meio da Codevasf, em conjunto com órgãos parceiros, associações e entidades locais, com objetivo de elaborar estratégias para aumentar a produção e o fornecimento de frutas para mercados internos e externos, gerar emprego e renda na região, promover o intercâmbio de experiências e tecnologias, diversificar e implantar novas culturas e fomentar e motivar novos agricultores na produção de frutas no DF e Entorno.

 

A Emater-DF

Empresa pública que atua na promoção do desenvolvimento rural sustentável e da segurança alimentar, prestando assistência técnica e extensão rural a mais de 18 mil produtores do DF. Por ano, realiza cerca de 150 mil atendimentos, por meio de ações como oficinas, cursos, visitas técnicas, dias de campo e reuniões técnicas.

 

 

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede Emater-DF
CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: (61) 3311-9330 e (61) 3311-9456 (Whatsapp)
E-mail: emater@emater.df.gov.br