Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/09/19 às 11h51 - Atualizado em 27/09/19 às 10h11

Jovens do Pipiripau e Tabatinga têm aulas de empreendedorismo do Filhos deste Solo

 

Professor conversa com alunas durante uma das aulas do programa Filhos deste Solo

 

Alunos dos núcleos rurais Pipiripau e Tabatinga começaram nesta semana a participar de duas novas turmas de formação em empreendedorismo pelo Programa Filhos deste Solo, da Emater-DF. O curso tem duração de 40 horas presenciais, divididos em duas semanas de aulas.

 

FAÇA AQUI SUA INSCRIÇÃO NO CURSO

Programa Filhos deste Solo visa formação empreendedora de jovens na área rural

Emater-DF apresenta Projeto Filhos deste Solo a mais de 100 jovens da Taquara

 

O curso tem como objetivo transformar ideias de empreendimento dos jovens em planos de negócios que serão colocados em prática. A ideia é fazer com que os jovens vejam a propriedade rural como um negócio, que pode prosperar, gerar renda, emprego e qualidade de vida no campo, assegurando dessa forma a sucessão rural e a produção de alimentos.

 

Essa primeira etapa do curso inclui uma visita técnica. Os 23 alunos do núcleo rural Taquara conheceram a propriedade de orgânicos do agricultor José Wellington Alves Santos. “Essa visita tem o objetivo de levar o jovem rural a conhecer um negócio real, em pleno andamento, e que está tendo sucesso na prática”, explica a assessora da Emater-DF Adriana Dutra, que conduz o programa.

 

A coordenadora do programa, Adriana Dutra, fala com estudantes matriculados no curso

 

Com uma história oposta do que costuma acontecer, Santos não foi criado na roça. Graduado, com mestrado e doutorado e professor universitário, ele largou tudo para viver do que produz no campo. O produtor tornou-se padrinho da turma de jovens rurais do programa.

 

“Em 2008 eu visitei uma propriedade nos Estados Unidos e percebi que dava pra viver bem no campo, e voltei pra cá e procurei comprar um lugar pra mim e comecei com gado de leite e fui vivendo”, contou o agricultor. Hoje ele entrega hortaliças para mercados e restaurantes. O que não tem padrão comercial vira conservas e molhos gourmet.

 

Durante a visita, os alunos também falaram de suas expectativas. “Eu não pretendo sair do campo, prefiro morar aqui e quero abrir meu próprio negócio”, afirmou Danilo de Sousa Pereira, de 19 anos. “Eu quero ser avicultor. Minha tia no Maranhão trabalha com isso e eu a ajudava. Agora quero seguir a tradição da minha família”, afirma o estudante Thayllon Rogério Silva Leite.

 

Estudantes durante uma das classes do Filhos deste Solo

 

O programa

O programa de empreendedorismo rural Filhos deste Solo é realizado pela Emater-DF com o objetivo de incentivar a permanência dos jovens no campo, com condições dignas. O curso é gratuito, tem 200 vagas divididas em dez turmas de 20 alunos cada. Para participar, o interessado deve ter entre 16 e 29 anos e estar ligado de alguma forma a uma propriedade rural – ser proprietário, agricultor, filho de agricultor ou funcionário de empresa ou propriedade rural (veja aqui como se inscrever no programa).

 

 

VEJA PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PROGRAMA

 

QUAL O OBJETIVO DO PROGRAMA?

Proporcionar condições para os jovens viverem e se desenvolverem com qualidade no espaço rural dotando-os de competências e habilidades para uma inclusão socioeconômica mais sustentável, com novas perspectivas culturais, sociais e empreendedoras para a propriedade e comunidade na qual está inserido.

 

QUEM PODE PARTICIPAR DO “JOVEM EMPREENDEDOR RURAL”?

Jovens entre 16 e 29 anos, que tenha alguma ligação com a atividade agropecuária (ser proprietário rural, agricultor, filho de agricultor ou funcionário de empresa ou propriedade rural).

 

QUAL A QUANTIDADE DE VAGAS?

Serão formadas 10 turmas com 20 alunos cada.

 

QUAL O PRAZO PARA INSCRIÇÃO?

As inscrições começam no dia 13 de agosto e podem ser feitas até uma semana antes do início da turma a ser inscrito (veja data e local dos cursos) ou até preenchimento das vagas.

 

O QUE FAZER PARA PARTICIPAR?

Procurar o escritório da Emater-DF mais próximo de sua residência ou propriedade, apresentar sua ideia de projeto para a propriedade e providenciar documentos que comprovem o vínculo com propriedade rural e documentos pessoais.

 

ONDE SERÃO MINISTRADAS AS AULAS?

Nos núcleos rurais mais próximos das residências dos jovens. Os Núcleos rurais que serão contemplados neste ano serão: Tabatinga, Taquara, PAD-DF, Jardim II, Pipiripau, Rio Preto e Brazlândia. Também haverá uma turma no IFB – Campus Planaltina.

 

QUANDO COMEÇAM OS CURSOS?

Serão 10 turmas de 20 alunos divididas conforme programação abaixo:

– Turmas 1 e 2 – 19 a 30/08/2019

– Turmas 3 e 4 – 02 a 13/09/2019

– Turmas 5 e 6 – 16 a 27/09/2019

– Turmas 7 e 8 – 30/09 a 11/10/2019

– Turmas 9 e 10 – 07 a 18/10/2019

 

* Cada turma terá aula por duas semanas em um período (matutino, vespertino ou noturno).

 

Serão 40 horas de curso, em que os jovens irão transformar suas ideias em Planos de negócios. Depois desse curso presencial, haverá um tempo de incubação (mentoria) do projeto com acompanhamento por mais 90 dias.

 

 

A Emater-DF

Empresa pública que integra o Sistema Agricultura do Distrito Federal junto com a Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural e a Ceasa. A Emater atua na promoção do desenvolvimento rural sustentável e da segurança alimentar, prestando assistência técnica e extensão rural a mais de 18 mil produtores do DF e Entorno. Por ano, realiza cerca de 120 mil atendimentos, por meio de ações como oficinas, cursos, visitas técnicas, dias de campo e reuniões técnicas.

 

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br