Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/01/15 às 15h09 - Atualizado em 29/10/18 às 11h23

Famílias ampliam produção de frango caipira com apoio da Emater-DF

 

Por meio de um conjunto de ações, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF) fez a multiplicação dos frangos. Produtores familiares da região do Gama que, há dois anos, possuíam poucas centenas de aves, hoje possuem milhares.

 

O “milagre” veio por meio da assistência técnica contínua da Emater-DF e acesso às diversas políticas públicas governamentais. O extensionista Pedro Ivo Braga acredita que uma das principais ações que contribuíram para o desenvolvimento das famílias foi o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). “Não se ganha muito dinheiro com o programa, mas é de grande ajuda e acaba sendo uma escola para o pequeno produtor que ainda não sabe como desenvolver uma atividade produtiva ou não atende às necessidades do mercado”, explica Pedro.

 

A agricultora Genilda da Silva, do assentamento Monjolo (Gama), é um dos exemplos da região. Há dois anos, possuía um pequeno pousio com 100 aves e tinha dificuldades para comercialização. Os extensionistas Pedro Ivo e Aécio Prado, da Emater-DF, passaram a acompanhar a produção semanalmente, com a pesagem dos frangos, levantamento dos custos de produção e capacitação para produção de ração na propriedade. Com a inserção dos agricultores no Programa de Venda em Balcão, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), eles passaram a adquirir milho a um preço menor que o de mercado e reduziram os custos da criação.

 

Para escoar a produção, a Emater-DF inseriu Genilda e outros produtores no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que contribuiu para a geração de renda juntamente com os investimentos feitos a partir de programas de crédito rural como o Prospera, do GDF, e o Pronaf, do Governo Federal.

 

Hoje, Genilda possui cinco mil frangos caipiras e comercializa por meio de parceria com um produtor da região. “Vi nele a oportunidade de crescer. Eu crio e ele compra as aves para comercializar. O mais difícil realmente é conhecer o mercado e conseguir vender”, conta.

 

Associativismo

 

Diante da concorrência com a avicultura industrial, os agricultores criaram recentemente a Associação dos Produtores da Avicultura Alternativa (Avina) para se fortalecerem e articularem junto ao governo estratégias para o desenvolvimento da produção local.

 

Segundo a presidente da associação, Maria Aparecida Alves Monteiro, a união dos produtores também facilitará o acesso a outros programas de compras institucionais como o Programa de Aquisição da Produção da Agricultura (PAPA-DF) e o Programa de Alimentação Escolar (PNAE). “Temos que ampliar nossa comercialização e, juntos, nos organizaremos melhor para que isso aconteça”, falou.

 

Carolina Mazzaro

Assessoria de Comunicação da Emater-DF

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br