Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/01/17 às 14h17 - Atualizado em 29/10/18 às 11h39

Exemplo de limpeza a favor da saúde

 

Após um ano de conscientização e orientação da Emater-DF e da Secretaria de Saúde, propriedades do núcleo rural Tabatinga reduzem focos do mosquito da dengue 

 

A Emater-DF, por meio do escritório no núcleo rural Tabatinga (região administrativa de Planaltina), realizou, na manhã desta quarta-feira (11), um mutirão de limpeza em chácaras da região. A ação foi promovida em conjunto com a Secretaria de Saúde — por meio do Posto de Saúde de Tabatinga —, com o Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e a Administração Regional de Planaltina, e tinha como objetivo erradicar o mosquito Aedes aegypt, que transmite quatro tipos de febres, além de outros animais peçonhentos. Ao final da manhã, um caminhão repleto de entulho foi retirado de dez propriedades.

 

De acordo com o enfermeiro Dione Alves Mendes, o mutirão de limpeza realizado em dezembro de 2015, conjugado com o trabalho de conscientização e orientação que as equipes da Emater-DF e do Posto de Saúde fizeram durante todo o ano de 2016, reduziram significativamente os focos do mosquito. “Nossa atividade hoje não é apenas para recolher resíduos e orientar os produtores e suas famílias, mas também para elogiá-los pela forma como eles têm tratado suas propriedades”, explicou. Dione acrescentou que a quantidade de pernilongos diminuiu visivelmente. “Quase não há mais locais de reprodução do pernilongo nas chácaras e fazendas que visitamos”, afirmou.

 

O agricultor João de Souza Gomes, um dos pioneiros de Tabatinga (está no local desde 1977), possui um quintal modelo. Na chácara onde planta milho, feijão, maxixe, abóbora e várias outras hortaliças, a limpeza era o destaque. “No ano passado havia muito mato aqui do lado. Limpei tudo, plantei outros produtos e hoje a paisagem está bem melhor”, observou. Numa parceria com a Emater-DF, o Posto de Saúde e o Centro Educacional Várzeas, localizado no núcleo rural, João vai coordenar uma horta comunitária, que será implantada em um terreno onde antes havia mato e lixo.

 

Segundo o gerente da Emater-DF em Tabatinga, Lucas Pacheco, a extensão rural não se limita a trabalhar com os aspectos técnicos da produção de alimentos. “O extensionista é o agente de desenvolvimento do campo. Trabalhamos com foco nos pilares social, ambiental e econômico, por isso, abordamos a educação, saneamento, habitação, acesso a políticas públicas e também à saúde”, explicou.

 

Nos próximos dias, a atividade será realizada nas sete estradas vicinais que cortam os núcleos rurais Tabatinga e Barra Alta, abrangendo toda a região atendida pelo escritório da Emater-DF. “Pretendemos visitar novamente todas as propriedades e continuar o trabalho. É importante lembrar que a limpeza previne não só as doenças causadas pelo Aedes aegypt, mas também enfermidades causadas por outros animais peçonhentos e vetores como ratos, escorpiões, cobras e barbeiros”, conclui o gerente Lucas Pacheco.

 

1101 equipe_escola
Graças ao trabalho dos servidores do Centro Educacional Várzeas, não foi encontrado
nenhum foco do mosquito na escola

 

1101 seu_joo
O agricultor João Gomes se esforça para deixar o terreno limpo e vai ajudar a 
implantar uma horta comunitária no núcleo rural Tabatinga

 

Rinaldo Costa
Assessoria de Comunicação – Emater-DF

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br