Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/06/15 às 10h48 - Atualizado em 29/10/18 às 11h24

Brasília encerra semana do alimento orgânico e lança campanha Junho Verde

 

O Jardim Botânico de Brasília ficou lotado, na manhã de domingo (31), no encerramento da Semana do Alimento Orgânico e a abertura das atividades de lançamento do programa Junho Verde. Os projetos são das Secretarias de Agricultura e do Meio Ambiente, respectivamente.

 

As atividades voltadas à prevenção de incêndios, como o projeto Cerrado sem Fogo, chamaram a atenção dos visitantes. Aviões jogavam água próximo aos locais de atividades e palestras, um helicóptero dos bombeiros, utilizado em operações de combate a incêndios, recebia crianças para tirarem fotos e um enorme caminhão do Ibama exibia os equipamentos de uso pessoal para apagar o fogo no mato. “Foi muito legal subir no caminhão do Ibama e me sentir importante no helicóptero dos Bombeiros. As cartilhas que recebi também são muito interessantes”, disse a estudante Luísa Portilho, de 9 anos.

 

Também foi lançado, na solenidade, o aplicativo DF100Fogo, desenvolvido pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia, em conjunto com a Fundação Jardim Botânico. O objetivo é facilitar o acesso à informação sobre incêndios. “Essa ação conjunta de combate a incêndios florestais representa uma tendência de respeito à preservação ao meio ambiente”, disse o servidor público, Armando Molina, que acompanhava as orientações de combate ao fogo. “Outro assunto que me chamou a atenção aqui foi a exposição de técnicas de plantio das hortas urbanas”, completou Armando.

 

Hortas Urbanas

 

“Uma caixa de isopor velha, que demoraria muitos anos para se decompor no meio ambiente, ou uma lata de tinta vazia pode se transformar numa horta farta na varanda do apartamento. Fica bonito e faz bem para a vida”, ensinou o coordenador do projeto Horta em Casa & Vida Saudável. O cultivo de hortas em pequenos espaços, a reciclagem de recipientes e a produção orgânica dentro da casa urbana fazem parte do princípio da sustentabilidade e ganharam apoio da Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri) e empresas vinculadas.

 

A Igreja Messiânica promove, sábado (6), um curso que ensina várias técnicas do plantio de hortas urbanas. A filosofia do projeto é a produção de alimentos para receber a gratidão das pessoas. “Se um amigo vai à sua casa e ganha um maço de alfaces colhido na hora em sua varanda, ele leva saúde e deixa gratidão. Isso é importante para a vida do ser humano”, explicou Anderson. A igreja está situada na EQN 315/316. Telefones 8350-7531 e 3340-8696.

 

Outro programa muito visitado no Jardim Botânico, no último domingo, foi o Reflorestar. A Seagri disponibilizou técnicos para explicarem a importância da recuperação e proteção dos recursos hídricos, da conservação do solo e da educação ambiental. Além da lição, os visitantes levavam para casa mudas de espécies nativas do Cerrado, cujas sementes foram coletadas e plantadas pelos servidores da Secretaria de Agricultura. “O objetivo do programa Reflorestar é recuperar 60 hectares por ano com 80 mil mudas do bioma Cerrado. Apoiaremos aproximadamente 200 produtores rurais ao ano para essa adequação ambiental de recuperação das áreas de preservação permanente e a recomposição da reserva legal das propriedades”, disse a gerente de programas de desenvolvimento Rural da Seagri, Isabel de Oliveira.

 

Os agroindustriais oriundos da agricultura familiar do DF e região, além de representantes de associações e cooperativas agrícolas, montaram uma feira de produtos orgânicos. Havia mel e seus derivados, hortaliças, legumes, frutas, azeites, conservas e artesanatos. A intenção foi encerrar a Semana dos Produtos Orgânicos mostrando sua qualidade para incentivar o consumo. “Todo ano, no final de maio, realizamos a Feira do Alimento Orgânico. É uma estratégia para aumentar o consumo de alimentos mais saudáveis pelos moradores das cidades”, encerrou o secretário de agricultura, José Guilherme Leal.

 

O encerramento da Semana do Alimento Orgânico e a abertura do programa Junho Verde tiveram a parceria do Jardim Botânico, Fundação Jardim Zoológico de Brasília, Instituto Brasília Ambiental, administrações regionais e as Secretarias de Educação, Segurança Pública e Paz Social, Saúde, do Esporte e Lazer, Turismo, Trabalho, e de Políticas para as Mulheres, da Igualdade Racial e Direitos Humanos, Emater e Ceasa.

 

Foto: ASCOM – Seagri-DF

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br