Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/11/21 às 12h30 - Atualizado em 9/11/21 às 12h30

Horta  comunitária com captação de água da chuva é case em seminário sobre o tema

COMPARTILHAR

Horta do Guará fica em área de 2,5 mil metros e possui cerca de 50 variedades

 

 

A Horta Comunitária do Guará, apoiada pelo programa de Agricultura Urbana da Emater-DF, foi case nesta terça-feira (9) no seminário Nossa Agricultura Urbana: Conquistas e Desafios, promovido pela Frente Parlamentar Ambientalista da Câmara Distrital. O evento está ocorrendo na modalidade virtual, mas a visita à horta foi presencial.

 

O presidente da Frente, deputado Leandro Grass , explica que o objetivo do seminário e da visita foi divulgar esse tipo de atividade e debater a possibilidade de ampliar as políticas públicas de apoio a hortas deste tipo. “Nossa intenção é fazer o maior número de pessoas compreender o valor sessas atividades do ponto de vista ambiental, de segurança  nutricional e também o  vínculo comunitário que elas  promovem”, conta.

 

Criada em 2009, a horta comunitária do Guará ocupa uma área de 2,5 mil metros onde são cultivadas aproximadamente 50 variedades, entre hortaliças, plantas medicinais e Plantas Alimentícias Não convencionais (Pancs) pelo sistema orgânico. O espaço é  mantido pelo Instituto Arapoti e apoiado pela Emater-DF, que, de acordo com o gerente de Agricultura Urbana da empresa, Rogério Lúcio Vianna Júnior, fornece sementes, adubos, ferramentas, e assistência  técnica.

 

“Nosso primeiro kit de captação e aproveitamento de água da chuva foi implantado nessa horta, onde a gente também criou um sistema de irrigação. Além disso,  damos todo o suporte técnico e de insumos”, conta.

 

A cada 15 dias, aos sábados, voluntários se reúnem no espaço para colher os alimentos e plantar as próximas variedades. “Somos cerca de 200 voluntários e a troca que ocorre aqui é linda. Tudo o que é colhido é dividido entre os voluntários”, conta a presidente do Instituto Arapoti e voluntária, Dai Ribeiro.

 

Dentro da programação  do seminário, será feita uma segunda visita, na quinta-feira (11), às 9h30, na Unidade Básica  de Saúde do Lago Norte.

 

 

A Emater-DF

Empresa pública que atua na promoção do desenvolvimento rural sustentável e da segurança alimentar, prestando assistência técnica e extensão rural a mais de 18 mil produtores do DF. Por ano, realiza cerca de 150 mil atendimentos, por meio de ações como oficinas, cursos, visitas técnicas, dias de campo e reuniões técnicas.

 

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br