Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/09/20 às 11h59 - Atualizado em 16/09/20 às 11h59

Projeto da Emater-DF de captação de água da chuva é implantado em escola de Taguatinga

Deputado Claudio Abrantes foi conferir projeto da Emater realizado por sua emenda parlamentar

 

Consciência ambiental e sustentável, aprendizado de cultivo e produção de alimentos e reutilização de água das chuvas como meio de melhor aproveitar os recursos naturais são alguns dos objetivos da implantação do projeto de Hortas Pedagógicas da Emater-DF. Nesta semana, a entrega foi no Centro de Ensino Fundamental 11 de Taguatinga. Nesta primeira etapa, a escola recebeu a parte de captação de água das chuvas, que inclui calhas, caixa d’água de 10 mil litros, bomba e um kit irrigação. 

 

Na segunda etapa, serão entregues insumos como sementes, adubos e kits com ferramentas para confecção e manutenção das hortas. Neste ano, 30 equipamentos de captação de água das chuvas e de irrigação de hortas em escolas espalhadas por todo o Distrito Federal já foram instaladas.

 

O projeto é capitaneado por meio de emenda parlamentar. Por meio de emenda do deputado distrital Claudio Abrantes (PDT), o CEF 11 e outras nove escolas receberam a captação de águas das chuvas e vão receber os insumos. 

 

 

Escola possui um orquidário na parede de entrada, cultivado pela direção do CEF11

 

Escolas de Planaltina (CED Taquara, CED Varzeas, CEF Rio Preto, Escola Classe ETA 44, Escola Classe Vale Verde e Escola Classe Monjolo), Taguatinga (CEF11), Recanto das Emas (Centro Educacional 111), Lago Norte (Escola Classe Aspalha) e Samambaia (Escola Classe 410) foram contempladas com o projeto por meio de emenda do deputado Cláudio Abrantes.

 

Só na escola de Taguatinga, o projeto atingirá 875 alunos. Durante o encontro, o deputado destacou o interesse em investir em em mais hortas pedagógicas em escolas do Distrito Federal. “O sistema de captação de água da chuva vai ajudar na economia de água e também servir como meio para os professores trabalharem a parte pedagógica da sustentabilidade, da preservação do meio ambiente. A Emater é nossa grande parceira”, ressaltou o deputado.

 

A diretora-executiva da Emater-DF, Loiselene Trindade, destacou a participação do deputado no projeto. “Este é um projeto oriundo de emenda parlamentar. No caso desta escola, do deputado que colaborou demais com o projeto”, disse. Ela também explicou o trabalho da empresa junto às escolas. “Existe um acompanhamento para implantação das hortas. A gente tem trabalhado, por meio da Gerência de Agricultura Urbana, para ampliar o projeto. Hoje, no DF, são mais de 600 escolas e é um sonho chegar a todos elas”, acrescentou.

 

Na época da chuva, a água captada vai servir para limpeza das instalações dos centros educacionais, já que a água da chuva servirá como irrigação direta para a horta, conforme lembrou o extensionista da Emater-DF Cleison Duval, que também participou no encontro.

 

Segundo o assessor da Emater-DF Tiago Leite, cada metro quadrado de telhado resulta numa economia de mil litros de água por ano. Coordenador do Programa de Agricultura Urbana da empresa, o engenheiro-agrônomo Rogério Vianna explicou que, diante das metas sustentáveis, o projeto é de extrema relevância. “Abrange a gestão dos recursos hídricos, o aproveitamento de água, a sustentabilidade, segurança alimentar, educação ambiental”, destaca.

 

O projeto está alinhado ao Plano Estratégico do Governo do Distrito Federal no âmbito da ampliação do manejo da água e do solo.

 

Projeto em 2020

Pela projeto, estão sendo beneficiadas escolas de Taguatinga, Fercal, Piriripau II, Taquara em Planaltina, Cruzeiro, Gama, Santa Maria, Rio Preto em Planaltina, Recanto das Emas, Samambaia, 113 Norte no Plano Piloto, 308 Sul no Plano Piloto, Lago Norte, Queima Lençol em Sobradinho e Vale Verde em Planaltina.

 

O projeto está sendo viabilizado por meio de destinação de emendas parlamentares dos deputados distritais Leandro Grass (Rede), Reginaldo Sardinha (Avante) e Claudio Abrantes (PDT). “Em um período em que estamos com pouco recurso, é fundamental uma emenda como essa”, ressalta Vianna.

 

Semelhante às hortas que serão instaladas nas escolas, recentemente foi implantado o projeto, pela Emater-DF, em hortas comunitárias no Guará. Também já foram iniciadas tratativas para implantação das hortas em Ceilândia e no Paranoá.

 

A Emater-DF
Empresa pública que atua na promoção do desenvolvimento rural sustentável e da segurança alimentar, prestando assistência técnica e extensão rural a mais de 18 mil produtores do DF e Entorno. Por ano, realiza cerca de 150 mil atendimentos, por meio de ações como oficinas, cursos, visitas técnicas, dias de campo e reuniões técnicas.

 

 

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br