Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/04/17 às 13h49 - Atualizado em 29/10/18 às 11h40

Emater-DF e Abrace formam parceria para criar horta orgânica

 

A previsão é que a preparação do terreno – cerca de 1000m2 -, comece já no próximo mês

 

Uma parceria que promete serviços de qualidade e bons resultados. Esta é a avaliação dos presidentes da Emater-DF, Argileu Martins, e da Abrace, Ilda Peliz. A reunião, que ocorreu entre os dirigentes das duas instituições, na manhã desta segunda-feira, na sede da Associação Brasileira de Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Hemopatias, no Guará, firmou a elaboração do projeto de Horta Urbana, que será feita no local. A previsão é que a preparação do terreno – cerca de 1000m2 -, comece já no próximo mês.

 

Com a assistência técnica da Emater e fornecimento de insumos (sementes, adubo, ferramentas, etc), dentro do Programa Agricultura Urbana, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social, MDS, serão captados recursos para o projeto, sob a coordenação do agrônomo e extensionista Rogério Viana Júnior, coordenador geral do Programa. Pela Abrace, o projeto será tocado pelo voluntário Pedro Albuquerque, que iniciou uma horta na instituição em 2011 e teve de encerrá-lo para que no local fosse construída uma escola.

 

Ilda Peliz adiantou que a ideia seria produzir alimentos orgânicos para consumo interno, tendo a possibilidade de venda para a comunidade. “Assim, com os produtos excedentes da horta, poderemos investir na ampliação dela e até mesmo em outras áreas da instituição”.

 

Emocionado, o voluntário Pedro disse que está vendo um sonho se realizar. “Mal posso acreditar que vamos resgatar, num projeto maior, a nossa horta”, agradeceu.

 

A orientação do presidente da Emater coincidiu com o desejo de Ilda Peliz. “Temos sim, que fazer aqui uma horta de produtos orgânicos. É o ideal para o local e para os pais das crianças que são recebidas na Abrace e que participarão do projeto, que tem cunhos didático, terapêutico e é voltado para a produção de alimentos saudáveis, sem uso de agrotóxicos. Com isso, preservamos a saúde de quem vai manusear a horta e de quem vai se alimentar de seus produtos”. E acrescentou: “Vamos fazer essa horta com plantas medicinais também”, ideia aprovada por todos que participaram da reunião e da visita ao terreno.

 

O Programa Agricultura Urbana

 

Nos espaços urbanos existe um número cada vez maior de pessoas que buscam melhores condições de vida, o que inclui uma alimentação saudável e diversificada. Dessa forma, o Programa de Agricultura Urbana tem se destacado como uma ferramenta alternativa e complementar às ações de segurança alimentar e inclusão social nas cidades.

 

O aproveitamento de espaços ociosos é uma oportunidade para oferecer à comunidade um ambiente de convivência, produção de alimentos e solidificação do senso comunitário. Como subsídio à produção, em 2016, a Emater disponibilizou insumos na forma de adubos, sementes, ferramentas e assistência técnica a 97 hortas escolares, beneficiando aproximadamente 48.500 alunos, a três hortas comunitárias e ainda a 11 entidades assistenciais, como os Centros de Referência Especializados para Pessoas em Situação de Rua, Centro de Atenção Psicossocial e centros de saúde. Também foram atendidas seis unidades de internação socioeducativas da Secretaria de Estado de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude do DF.

 

Em novembro de 2016, a Emater iniciou a qualificação de profissionais com o curso de Produção e Cultivo de Alimentos Saudáveis por Meio da Hidroponia, realizado em parceria com a Fábrica Social, da Secretaria de Estado de Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (SEDESTMIDH).

 

Christina Abelha
Assessoria de Comunicação da Emater-DF

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br