Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/03/17 às 11h46 - Atualizado em 29/10/18 às 11h40

2ª edição da Expedição Safra-Brasília acontece no mês de abril

 

A Expedição acontece de 03 a 20 de abril, na região administrativa de Planaltina-DF

 

A Expedição Safra-Brasília volta a campo em seu segundo ano para analisar as propriedades rurais que possuem cultivo protegidos. Realizada pela Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri-DF), em parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Governo do Distrito Federal (Emater-DF), Central de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa-DF) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a Expedição acontece de 03 a 20 de abril, na região administrativa de Planaltina-DF.

 

A escolha dos cultivos protegidos – plantação em estufas, campo telado e túneis – vem da necessidade de se fazer um diagnóstico dessa técnica de plantio, para que se possa ter informações mais precisas e assim elaborar políticas públicas que visam solucionar possíveis problemas encontrados no setor. “Essa é uma atividade importante que envolve muitos produtores, mercado de insumos e vem atravessando alguns problemas do ponto de vista sanitário, da produtividade e da lucratividade”, disse o secretário adjunto da Agricultura, Sebastião Márcio Lopes de Andrade.

 

A expectativa é que as equipes de técnicos visitem aproximadamente 150 propriedades dos núcleos rurais de Taquara, Pipiripau, Tabatinga e Rio Preto que produzem pimentão, tomate, alface, uva, maracujá e até flores e plantas ornamentais. “Nós iremos fazer esse diagnóstico na região de Planaltina porque é o local com a maior concentração de cultivos protegidos no DF. Um exemplo disso é a produção de pimentão, que corresponde a 62% da produção total do DF. Sendo que desses, mais de 90% é produzido em cultivo protegido”, explica Andrade.

 

Após análise dos dados coletados durante a expedição, será elaborado um relatório com o diagnóstico da produção de frutas e verduras utilizando a técnica de cultivo protegido.

 

Treinamento

 

As equipes de técnicos que participarão da Expedição Safra-Brasília vieram realizando no mês de março treinamentos para a aplicação dos questionários. Entre as questões estão o tipo de estrutura utilizada, tipo de cultura, forma de cultivo, o uso de agrotóxicos, a pós-colheita e a comercialização, entre outras.

 

“A ideia é buscar identificar a tecnologia utilizada para saber se está adequada; levantar problemas fitossanitários; avaliar os impactos desta atividade na economia local e observar os aspectos ambientais e socioeconômicos – nível de renda, empregos e organização dos produtores”, detalhou o secretário adjunto.

 

Lançamento

 

Para lançar a 2ª edição da Expedição Safra-Brasília, a equipe técnica responsável realizará um evento, na próxima quarta-feira (5), às 19h, na Cooperativa Agrícola da Região de Planaltina (Cootaquara). Neste momento acontecerá também a primeira Roda de Prosa com os agricultores. O objetivo é apresentar o projeto e a equipe de técnicos que visitarão suas propriedades no mês de abril.

 

A Expedição Safra-Brasília

 

Lançada em janeiro de 2016, o projeto Expedição Safra-Brasília surgiu da ideia de se fazer levantamentos da produção de grãos para a elaboração de políticas públicas para o setor. O projeto buscou também melhorar a prestação de assistência técnica aos produtores rurais e divulgar a real dimensão da atividade agropecuária local para a população urbana e a administração pública.

 

Em seu primeiro ano, a Expedição percorreu mais de 10.000 km em três etapas que analisou a produção de soja, milho e cultivos irrigados. A equipe contou com mais de 20 técnicos e 10 veículos.

 

Patrícia Távora

Ascom – Secretaria de Agricultura – Seagri-DF

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Emater-DF

Parque Estação Biológica, Ed. Sede EMATER-DF CEP: 70.770.915 Brasília - DF Telefone: 3311-9330 E-mail: emater@emater.df.gov.br